terça-feira, 3 de maio de 2016

MÊS DE MAIO, POEMA DE MARIA HELENA AMARO




MÊS DE MAIO, POEMA DE MARIA HELENA AMARO

Maio vai no começo,
florido, ameno, perfumado,
enfeitado de rosas e jasmim,
é noivo enamorado
e alegre vai até ao fim…

Anda louca no ar
a passarada…
Cobrem-se os campos de giestas
brancas
e os malmequeres sorriem
na seara dourada.
maio vai no começo,
alegre, até ao fim…

Vem, meu Amor,
neste mês, nesta hora, neste dia,
lá vem Nossa Senhora,
Mãe Maria,
a sorrir no andor,
abençoada,
entre risos e hinos de alegria,
na nossa velha estrada.


16 comentários:

Pedro Luso disse...

Uma bela escolha, Renata. O poema “Mês de maio”, Maria Helena Amaro, é de grande inspiração Sem dúvida, um belo poemas. Parabéns pela escolha.
Abraços.
Pedro.

Maria Rodrigues disse...

Lindissimo poema e uma música divinal.
Adorei!
Beijinhos
Maria

José María Souza Costa disse...

Olá, Renata Maria

Que tenhas um fim de semana bom.
E um dia das Mães, maravilhoso. Confesso, que não tenho mais a minha, ao meu lado aqui na terra. Mas, tenho a esperança de reencontrá-la um dia, em algum lugar de tempo e espaço, por que creio na ressurreição, em nome de Jesus Cristo.
Um abraço, para você.

Daniel Costa disse...

Renata

Que beleza de poema, dos belos que a tua sensibilidade sabe escolher e recolher. Que dizer da música?
Beijos

rosa-branca disse...

Um poema lindo de um autor que não conhecia. Renata amiga, uma boa semana e beijos com carinho

Rosa Alentejana disse...

Muito bonito! Gostei muito deste mês :)
Parabéns à autora e a ti, que demonstras muito bom gosto na escolha ;)
beijinhos

POESIAS SENSUAIS E CONTOS disse...

Poesia
.
.
Cada instante da poesia
é uma nova viagem,
mesmo que o assunto
seja o mesmo de sempre...
.
.
Francis Perot

Mariazita disse...

Olá, querida Renata
Este poema de Maria Helena Amaro - MÊS DE MAIO - é um dos que mais gosto dela.
Sobre Abril, ela escreveu:

"Abril é o tempo da surpresa,
da alegria, do movimento e cor,
enche-se a vida de risos e beleza
e cada ano para ti é uma flor."... e continua...

Também muito bonito, não acha?
A sua escolha foi óptima!

Continuação de boa semana.
Beijinhos
MARIAZITA / A CASA DA MARIQUINHAS




Evanir disse...

Ola, sei que me parece estar ausente do seu blog,
mas infelizmente esta bastante difícil para ,
eu possa fazer visitas.
Mas seria desumano da minha parque com todo independente
de de qualquer situação.
Que Deus possa transformar em alegria
minha .
Um Domingo de infinita paz a vc.
BJS..Evanir.

Fernando Santos (Chana) disse...

Belo poema...Espectacular....
Cumprimentos

Maria Rodrigues disse...

Renata passei para deixar um beijinho e desejar um excelente fim de semana.
Maria

Evanir disse...

Amigo Verdadeiro é muito raro,
É como ter dois anjos da guarda.
Um enviado dos céus, e um enviado da vida,
Ambos criados por Deus!
Por você ser tão especial
é que estou aqui , embora atrasada
para desejar um feliz dia do amigo.
Sinto no coração....
Saudades.
Tristezas.
Por estar longe de você.
Tudo fiz para estar aqui
na sua casa virtual onde sempre
encontro as portas abertas para
eu entrar.
um abraço carinhoso.
Estou a viajar pelo espaço infinito.
Semeando Amor.
Evanir.
Na postagem deixei dois mimos
pode levar se vc gostar.

Blue disse...

Oi Renata!

Só mesmo lendo poema primaveril pra esquecer este inverno úmido e frio...

Beijos

Táxi Pluvioso disse...

Desejo um bom Natal.

Luciana disse...

Oi Renata, voltei aos blogs mas sai do Face.
Bom te encontrar por aqui, mas fiz agora a pouco então tô me aprendendo aos poucos mudou tanto né.
Beijos amiga.

Evanir disse...

Quem ama sempre volta nem imagina minha alegria de estar aqui nesse Domingo.
Tudo esta sendo difícil para retornar aos poucos,
com anos de blog esse afastamento me abalou por demais.
Na vida nada é segunda a nossa vontade
mas sim de Deus.
Espero de todo coração que meu afastamento não tenha
deixado vc triste comigo.
A luta pode ser grande mas nunca será maior do que minha Fé.
Deus abençoe sua semana.
Uma semana de infinita paz.
Bjs.Meu eterno carinho.

Quantas saudades de si meu Deus!!