quarta-feira, 20 de abril de 2016

É VITALÍCIO: COMER A VIDA, POEMA DE MIA COUTO



É VITALÍCIO: COMER A VIDA, POEMA DE MIA COUTO

É vitalício: comer a Vida
deitando-a entontecida
sobre o linho do idioma.

Nesse leito transverso
dispo-a com um só verso.
Até chegar ao fim da voz.

Até ser um corpo sem foz.



4 comentários:

Daniel Costa disse...

Boa noite Renata

Como a poesia é literatura muito de interpretar. Li, reli e tresli, a tentar essa interpretação do pensador Mia Couto.
Também amei a canção.
Beijos

Mirtes Stolze. disse...

Boa noite Renata.
Comer a vida, saboreando aos pedacinhos é gostoso demais. Um feliz feriado. Enorme abraço.

Fernando Santos (Chana) disse...

Belo poema...Espectacular....
Cumprimentos

✿ chica disse...

Lindo poema esse e faz pensar... Tomara te entusiasme lá no Desafio da LISTA ,de Portugal, que leste por lá! Vê bem como é:77 palavras!

bjs, chica