quinta-feira, 5 de fevereiro de 2015

DA FIDELIDADE



DA FIDELIDADE

Vinicius de Moraes



Há alguma coisa maior que nós mesmos que é a fidelidade a nós mesmos.

Flor espantosa que vive das águas cáusticas e das terras apodrecidas da prodigiosa extensão humana.

É a sua santidade que eu quero fazer nascer destas palavras de ritmo obscuro.

E neste momento mesmo é talvez a sua inocência que eu violento com os meus dedos mártires que a desejariam sangrando.

Ela nasce desse instante supremo em que o homem que viu a verdade sente que a sua simplicidade trágica nada poderá contra ele.

Ele que é como o país que vê a guerra no pássaro de arribação que se pousou da grande viagem sobre o seu pavilhão estendido.

Não existe talvez nada mais belo que a miséria que habita essa alma que nós mostramos como um pavilhão estendido ao pássaro peregrino.

E talvez nada mais horrível que essa guerra que se vê nascer subitamente das entranhas da nossa miséria.

A fidelidade é como o amor da miséria pelo eterno viajante sereno.

É como um homem que à força de contemplar um rio é por sua vez contemplado por ele.

Se é que há um lugar de Deus em cada criatura nada será fidelidade senão a fidelidade à falta de Deus neste lugar.

Aos sentimentos e nunca à verdade porque a verdade é o símbolo do absoluto e o absoluto é a morte do homem.

Ai de mim! talvez eu devesse morrer porque eu digo as palavras da fé com gestos de inteligência.

Fidelidade, lírio, anjo, mar de pureza!



In: "Poesia completa e prosa: "Poesias coligidas""

7 comentários:

Yehrow, Adônis, ou quem quiser eu seja. disse...

Lindo e maravilhoso, pelas mãos de quem sabia encantar com sua fenomenais composições. ótima seleção.

Daniel Costa disse...

Renata

Venicius de Morais, como poeta e pensador, foi impagável como demonstrou nesta prosa poética.
Beijos

Elvira Carvalho disse...

Não conhecia este texto e gostei muito.
Um abraço

Lilly Silva disse...

Que lindo Renata, aliás como sempre tudo lindo por aqui!!!
Bjins mil ♥

http://simplesmentelilly.blogspot.com.br/

Nilson Barcelli disse...

A fidelidade é mesmo muito importante nas nossas vidas.
Excelente texto do Vinicius, gostei de o ler.
Tem uma boa semana, querida amiga Renata.
Beijo.

Daniel Costa disse...

Renata, vale sempre a pena, ler Vinícius de Morais e nos fixarmos bem no seu pensamento.
Beijos

Lucas - Blog: Overture disse...

Parabéns pelo Dia Internacional de Mulher.
Ser mulher é conhecer a vida por um lado marcado com muitas especialidades:
. é conhecer a vida como um milagre que se forma em seu ventre!
. é conhecer a vida como um desenvolvimento que acontece aos seus cuidados.
. é conhecer a vida pelo lado de uma suposta fragilidade que não se aplica a quase nada de sua realidade diária, cheia de momentos em que somente a força, a coragem e a luta podem levar a bom termo.
. é conhecer a vida pelo lado do amor incondicional.
.é conhecer a vida pelo lado do coração.
. é conhecer a vida pelo lado da superação.
A lista seria longa. Quase interminável! Por isso, resumo dando a ti e a todas as mulheres que por aqui passam os parabéns por tudo que são, fazem e representam.
A mulher é a primeira tanto das belezas quanto das virtudes do mundo.
Abraçossssss