quinta-feira, 4 de novembro de 2010

PORQUE OS OUTROS SE MASCARAM MAS TU NÃO? *SOU O AMOR*






PORQUE OS OUTROS SE MASCARAM MAS TU NÃO?
 *SOU O AMOR*

Porque os outros se mascaram mas tu não
Porque os outros usam a virtude
Para comprar o que não tem perdão
Porque os outros têm medo mas tu não
Porque os outros são os túmulos caiados
Onde germina calada a podridão
Porque os outros se calam mas tu não

Porque os outros se compram e se vendem
E os seus gestos dão sempre dividendo
Porque os outros são hábeis mas tu não

Porque os outros vão à sombra dos abrigos
E tu vais de mãos dadas com os perigos
Porque os outros calculam mas tu não.



Sophia de Mello Breyner Andresen






Orkutei.com.br


4 comentários:

فاروق بن النيل disse...

DEAR RENATA MARIA PARREIRA CORDEIRO
I'm egyptian enginear , my name FAROUK ABDEL HAFIZ SOHAIR ,THIS POST THAT YOU WRIGHT NOW VERY FANTASTIC , LOVELLY "Because the others have fear thou not because the others are the tombs caiados Where germina silent rottenness because others keeping silent but thou not because the others buy and sell and their gestures always give dividend because others are skilled but thou not because the others are the shadow of shelters and tu you hand in hand with the dangers because the other calculate but thou not. Sophia de Mello Breyner Andresen"
THANK'S DEAR RENATA.
FAROUK NILE'S SON

SolBarreto disse...

Sao tantos porques e quase nenhuma resposta!
Adorei o post!!

Daniel Costa disse...

Querida RÊ

Lê-se Sofhia de Mello Beyner Anderson, é ficamos sempre com a sensação de, estamos no mais profundo da poesia. Trazê-la ao nosso convívio é opção sempre a ter em conta.
Beijos ternos

José disse...

Olá Ré!

"Porque os outros calam e tu não"
porque os outros vão, e tu não
porque tu caminhas comigo neste caminho
porque tu às vezes matas a minha solidão
em momentos que às vezes me sinto sozinho.

um beijinho,com meu carinho
José.