quinta-feira, 28 de janeiro de 2010

TODOS FALAM DE MIM





TODOS FALAM DE MIM


Neil






Todos falam de mim



Não consigo ouvir palavra do que dizem



Apenas os ecos da minha mente



Há gente parada a olhar



Não consigo ver-lhes o rosto



Somente as sombras dos seus olhos



Vou para onde o sol sempre brilha



Pela chuva torrencial



Para onde o tempo se adapte às minhas roupas



Recuando do vento Nordeste



Navegando na brisa estival



E saltando por sobre o oceano como uma pedra



Todos falam de mim



Não consigo ouvir palavra do que dizem



Apenas os ecos da minha mente



Vou impedir que você deixe o meu amor para trás!



Não! Eu não vou deixar você sair!



Não!



Não!



Vou impedir que você deixe o meu amor para trás!



Trad. pela Renata Cordeiro




7 comentários:

RENATA MARIA PARREIRA CORDEIRO disse...

Quinta Feira 28/01/2010 Todos Falam de Mim*
Marta + Renata*

RENATA MARIA PARREIRA CORDEIRO disse...

Esta é por todos nós. Que venham lindos dias!
Beijos

Marta disse...

Todos falam....Todos dizem...
Mas as palavras são minhas....
Lindo...
Beijos e abraços
Marta

Alvaro Oliveira disse...

Olá Renata

Lindo poema, belas as palavras!
É um prazer ler neste espaço.

Beijinhos

Alvaro

Marcos Andrade disse...

É, é verdade, as pessoas adoram falar umas das outras mesmo...

Já eu adoro visitar seus blogs...

rsrsrs...

Beijão!

Daniel Costa disse...

Renata

Que me importa que todos falem de mim, é porque existo, vejo o amor, o amor do mundo assim.
Beijos
Daniel

José disse...

Olá Rê.

Eu falo de ti sim
mas só digo coisas boas
porque és tu para mim
uma das melhores pessoas

Nunca ninguém me ofereceu
um poema igual ao teu
em toda a minha vida
se eu um dia poder
para ti irei escrever
um poema querida amiga

um bom dia
um beijinho grande
José.