quarta-feira, 1 de julho de 2009

VERSOS DE ORGULHO, POEMA DE FLORBELA ESPANCA


VERSOS DE ORGULHO


Florbela Espanca



O mundo quer-me mal porque ninguém

Tem asas como eu tenho !

Porque Deus Me fez nascer Princesa entre plebeus

Numa torre de orgulho e de desdém.


Porque o meu Reino fica para além ...

Porque trago no olhar os vastos céus

E os oiros e clarões são todos meus !

Porque eu sou Eu e porque Eu sou Alguém !


O mundo ? O que é o mundo, ó meu Amor ?

- O jardim dos meus versos todo em flor ...

A seara dos teus beijos, pão bendito ...


Meus êxtases, meus sonhos, meus cansaços ...

- São os teus braços dentro dos meus braços,

Via Láctea fechando o Infinito!

5 comentários:

MEIRELES disse...

Bela escolha! Os outros também são muito bons, mas já estou cansando, volto outro dia.
Um beijo, moça,
Meireles

Marta disse...

Boa escolha, Renata...
Gostei muito.
Beijos e abraços
Marta

THE ONE disse...

essa florbela aí...
beijo do nando

Pedrasnuas disse...

O ORGULHO DE QUEM SE SENTE MAIS ALÉM,MAIS ACIMA...UM SER SUPERIOR TOCADO POR UMA ESTRELA....

TENHO A COLECÇAO TODA DELA ...MAS NUNCA CONSEGUI LER TUDO...HÁ ANOS QUE ANDO PARA LÊ-LA MAS A DEPRESSÃO DELA MEXE COM A MNHA E EU DESISTO...
UM DIA ...QUEM SABE...

GOSTEI!!!

Graça disse...

Gosto muito de Florbela e ouvir o seu poema declamado a voz masculina foi muito interessante!



Beijos meus