sexta-feira, 19 de junho de 2009

ROSAS VERMELHAS



ROSAS VERMELHAS
Karla Bardanza

Deito-me em tua pele,
Procurando pelo teu corpo
As palavras que guardam
Todos os meus desejos
E luar...
E bem aqui tão dentro
De mim, cheiro de mar,
Dedos de paixão,
Águas cristalinas
Te afundando no colchão.
Bocas que se acham e se perdem,
Sussurros soletrando todas as letras
Do nosso prazer, cavernas
Para decifrar, línguas que já
Não podem mais falar.
E somos todas as delícias
Impressas nos lençóis
E nas paredes...
E somos
A sede enigmática do que
Alimenta os nossos olhos.
Seguro teus cabelos
Para não cair e toda vez
Que caio, perco um pedaço
Nos teus braços...
Subimos pelas estrelas,
Morremos em silêncio depois
Que atravessamos a densa
Floresta em doce escuridão
E quando acordamos, temos
Rosas vermelhas mais uma vez
Tatuadas nas mãos.

6 comentários:

M@ disse...

Que lindo blog.
Parabéns ás 3.
Vou levar o link.
Beijinhos a todas.
Manuela

M@ disse...

Perdão são 4.Glup!
Manuela

Estela disse...

Muito interessante essa idéia de fazer um blog coletivo.
Ficou muito bonito, como tudo que você faz.
Bjs.

Marta disse...

Que poema delicioso...
Não conhecia esta poetisa...
Maravilhoso.
Beijos e abraços
Marta

Luciana disse...

Esse blog tem tudo para ser um sucesso parabéns as 3.


Bjs

Tintas linhas e manias disse...

Que lindo blog, ficou maravilhoso! Parabéns às meninas....
Beijocas
Isabel Alves